A história dela...




Ela sempre esteve concentrada na sua vida escolar, com as suas amizades, na sua família… mas sempre sentia que alguma coisa lhe faltava.
Para esta rapariga o seu maior problema era a sua timidez.
Muitas vezes, ela via frases do género “ Timidez é uma coisa, falta de atitude é outra”. Ela sentia-se ofendida porque a sua timidez fazia com que muita coisa na sua vida não acontece-se.
Uma coisa tão simples como as amizades, para ela eram muito difíceis de começar, quanto mais manter, principalmente com rapazes. Desde que se lembra nunca teve um amigo rapaz, um confidente, como tinha as suas amigas que eram poucas, mas era aquilo que tinha e que não sentia obrigada a mais.
Ela tinha muitos sonhos como viajar, ter um namorado. Atualmente esta tem 17 anos e nunca teve uma relação amorosa, o que a deixava por vezes quando se tocava nesse assunto, um pouco desconfortável. Quando lhe perguntam: “ Quantos namorados tiveste?” , ela sente-se sempre um bocado mal e responde: “ Dois ou três.”

Às vezes sentia-se triste porque gostava de ter um namorado e de fazer coisas simples como: andar de mãos dadas, que ele lhe mandasse SMS a dizer: Bom dia amor,  de encostar a cabeça no ombro dele, dar risadas sinceras e divertidas como aquelas que dava com as suas amigas ou com a sua família por vezes, beijá-lo…Coisas simples, habituais e divertidas que ela não teve e pensa que nunca  terá…
Este texto é verídico e quando o escrevi pensei e disse: Esta rapariga preocupa-se demasiado com o seu lado amoroso, mas também percebo o seu lado. Para uma rapariga como também para um rapaz existe sempre uma suposta idade que se deve dar o primeiro beijo ( de preferência quando ambos brincam com bonecos) e também para perder a virgindade.
Mas somos todos diferentes e se um dia é para acontecer alguma coisa de mau ou de bom na vida de alguém, não será a nossa timidez ou outra coisa qualquer a impedir. 
*Beijinhos fofos*

Mensagens populares